QUARTO DO menino - 2 A 6 anos

Assinado por Bá Cla

1/9

Chegamos num quarto no qual a fantasia e o lúdico estão por toda a parte! São generosos 33 m2 que inspiram o verdadeiro “faz de conta”, uma das coisas mais importantes nessa fase e que, de fato, caracteriza o pensamento dos pitucos entre 2 e 6 anos de idade. Para eles, tudo é mágico!  

O projeto arquitetônico do "Quartinho Lunar" é cheio de brincadeiras e foi feito para um menino, o pequeno Otto.  Num espaço como esse, que proporciona a vivência da imaginação de forma segura, tudo contribui para que a criança se torne uma pessoa mais criativa, confiante e sensível, já que ela vai – pouco a pouco - aprendendo a se colocar no lugar do outro.

 

Sim, sabemos que é um processo longo, claro, mas também que começa justamente nessa etapa. Esse ambiente lúdico é perfeito para estimular a imaginação e a fantasia da criança, para que ela possa se ver em qualquer papel. Ou seja, ela se coloca no lugar de personagens e transforma aquele momento, aquela fantasia, em realidade.

Esse processo de fantasiar passa naturalmente com a mudança de etapa, quando seu cognitivo se desenvolve e ela consegue distinguir fantasia da realidade - o que acontece por volta dos 5-6 anos de idade.   

Neste ambiente, a magia está bem presente já no imaginário da noite. Aqui, o espaço sideral, a lua e as estrelas são parte do contexto. Quando chega a hora de dormir, um céu estrelado feito com ótica se acende, proporcionando uma luz suave o suficiente para garantir uma boa noite de sono.

 

A cama baixinha, que simula uma “cabine”, traz a sensação de aconchego e acolhimento. Nesse cantinho, as brincadeiras e os estímulos motores que o ambiente apresenta ficam “do lado de fora” e a criança aprende que a noite é um momento de descanso. Bom, mas e enquanto a hora de dormir não chega? Daí o espaço para brincar e movimentar o corpo não falta! A atração principal é o escorregador metálico com a piscina de bolinhas! Ah… a piscina de bolinhas! Ela traz o significado de infinito para a imaginação dos pequenos! A ação de escorregar e cair sobre essas bolinhas também aflora sensações que estão ligadas às emoções, além, claro, de toda imaginação que acontece nesse percurso.

O treino motor do escorregador também é muito importante: subir, se equilibrar e, então, descer. Mais do que isso, ao escorregar, a criança aprende a enfrentar seus medos e, no final, sente aquela alegria de chegar lá embaixo e poder subir novamente. Os pitucos adoram essas brincadeiras repetitivas. 

O ambiente ainda conta com uma enorme parede que recebe a tinta mais legal do mundo: a tinta lousa! Poder desenhar na parede favorece a coordenação viso motora, já que estimula movimentos largos do corpo de um outro ângulo, diferente de uma folha de papel sobre uma mesa. 

E como não reparar nesse balanço de teto? O item contribui para construção da fantasia de estar no céu e poder voar! É um brinquedo que estimula tanto o desenvolvimento ‘psicomotor quanto o afetivo-emocional da criança. 

 

Ao balançar-se, sentadinha, ela vai dominando o seu corpinho e aprendendo a usar os movimentos: o peso do tronco para frente e para trás e o jogo das pernas que esticam e encolhem.

 

Mas o mais interessante e, talvez, importante deste brinquedo é que ele acalma a criança e seu movimento dá um enorme prazer a ela.

 

Acima da cama, uma cabaninha pode ser acessada de diversas formas: escadinha, escalada ou cano de bombeiro. Lá, a ideia é criar as próprias brincadeiras e explorar sua capacidade de simbolizar. Por exemplo, passar por esse “túnel” e se imaginar uma minhoca ou até de estar entrando na sua casinha na árvore. Ao lado, o cantinho da leitura, com porta-livros de chão, que convida para o descanso e relaxamento.

 

A criança pode deitar sobre uma grande rede feita com cordas e ali ficar.... O mais legal? A “vista” ao olhar para baixo é o seu próprio quartinho. 

Ufa! Quantas emoções para eles! É um quarto que permite a recepção de muitos amigos, tanto para brincar quanto para dormir – ponto para os futons guardados embaixo da cama! O que é ótimo, pois, próximo aos 6 anos, a criança vive uma etapa do desenvolvimento em que os amigos passam a ser muito importante na vida dela, é hora de socializar! 

 

E, vamos combinar, a turma vai adorar ser convidada para tantas aventuras nesse espaço!

 

Vídeo produzido por Bárbara Baptista - @arq.barbarabaptista

 

MARCAS PARCEIRAS DO AMBIENTE

Enxoval: Nara Maitre - @naramaitrekids 


 

Tinta lousa: Suvinil - @tintas_suvinil  ​

Iluminação: Lunare - @lunareiluminacao

 

Cortina: Casa Vestida - @casavestidaloja 


 

PRODUTOS ATELIÊ BAOBÁ PRESENTES NESTE AMBIENTE

RECEBA A NOSSA NEWSLETTER